Bem-vindos ao “Estórias de Bicharocos e Bicharada”, um blogue dos 7 aos 77 anos

quinta-feira, 12 de março de 2009

Lenga-lenga para uma aranha (II)

Tece a teia na aldeia
uma aranha muito feia.
Balanceia, papagueia
e come papas de aveia.
Na areia se bronzeia
até ser hora da ceia.
Quando vê a lua cheia
ela passeia à boleia.
Se pensa comer geleia
toda ela se maneia.
Esta aranha muito feia
que vive na nossa aldeia
quase nunca se penteia.
Seria uma boa ideia
ir visitar a colmeia
e de abelhas a ver cheia.
Mas não sai da sua teia
e se falo ela rabeia
e as patas esperneia.
Na aldeia tece a teia
uma aranha muito feia.


Texto de Luísa Azevedo - Blogues: banana ou chocolate? e Pin-Gente (Todos os direitos de autor reservados)

38 comentários:

Sandra Rocha 12 de março de 2009 às 22:11  

Esta tem ar de ser perigosa :D
É melhor ir embora antes que ela venha atrás de mim ehehe
fantástica foto e o texto não fica atrás.
Beijokas.

Kafia 12 de março de 2009 às 22:13  

UAU!
Adoro a macro!
Linda ;)

Adrian LaRoque 12 de março de 2009 às 22:32  

Boa macro e bom poema também!

tossan 13 de março de 2009 às 01:23  

Desta vez vou dividir o elogio entre a foto e o poesia, todos de bom gosto! Mas a foto é formidável e cheia de técnica e alma igual o poema! Bj

~*Rebeca e Jota Cê *~ 13 de março de 2009 às 02:50  

Adorei!

cuentosbrujos 13 de março de 2009 às 07:52  

Este blog é um grande tratado de entomologia, adoro grande luz, que é essencial para mostrar essas imagens, mas não controla muito indulgente língua, espero ter dado a entender

gotadevidro 13 de março de 2009 às 10:03  

Um texto interessante e bem embalado na rima.

A foto bela e nitida.

Parabéns à comum coordenação

beijinho

Fernando Santos (Chana) 13 de março de 2009 às 12:19  

Olá Helena, belo macro de linda aranha...belo texto...Excelente....
Beijos

Menina do Rio 13 de março de 2009 às 14:55  

Faz a teia
tece o ninho
caça a ceia
faz a bola

Enrrola!
Muco langue
sorve o sangue
tece a teia

Aranha!

Pra ti uma ótima sexta feira 13!
Beijos

Carlos Manuel Pereira Rodrigues 13 de março de 2009 às 16:20  

Magnifica esta fotografia!!

Ana Lúcia 13 de março de 2009 às 17:08  

Merecia publicação em revista sobre aracnídeos. Ui! Que não gosto nada delas, mas tenho de confessar que o teu trabalho está fabuloso.

© Piedade Araújo Sol 13 de março de 2009 às 18:07  

gostei de conhecer este espaço,embora tenha medo de aranhas e afins.

a lengalenga da Pin_Gente está muito bem....


beij

Gata Verde 13 de março de 2009 às 20:31  

Mais um arrepio!!
Mas a bicharoca é linda e a foto está fantástica!!

beijos

Lenita Nabais 13 de março de 2009 às 22:26  

Linda foto e lengalenga bem ritmada! Parabéns pelo excelente trabalho! Bjs

Fatyly 14 de março de 2009 às 09:12  

Mais um momento lindissimo:)

Beijos às duas

Ana 14 de março de 2009 às 10:07  

Depois de ler a lenga-lenga, qualquer criança ou adulto perde o medo do "bichinho". Nem a acho nada feia, se ela quisesse vir até lhe dava boleia:-)
Está uma foto extraordinária Leninha e a lenga-lenga de Luísa Azevedo uma delícia! Adorei!
Mais uma para mostrar ao meu Guga que faz hoje três anitos. Sabes foram festejá-los aí na Capital na "Bicharada" (Jardim Zoológico), o pimpolho deve ficar eufórico de ver tanto bichinho!:-)
Beijinhos grandes e um XLENTE fim de semana para ti e para o Nuno,

Ana Paula

Mariz 15 de março de 2009 às 19:38  

Salvé querida

Uma teia, é dos trabalhos mais bem feitos que alguma vez vi - mas também tão pegajoso!
Continuo a não gostar muito de aranhas...mas pronto.
Pensei que a lenga-lenga já teria sido de outra história, mas afinal ainda estamos nos "jardim da celeste"!
Ainda bem...porque "é a brincar que a gente se entende!"

Abraço meu
sempre...
MAriz

BC 15 de março de 2009 às 22:04  

Adorei, tanto o poema como a magnífica foto.
PARABÉNS.
BJS
ISABEL

FERNANDA & POEMAS 15 de março de 2009 às 22:32  

OLÁ QUERIDA HELENA, TUDO LINDO POR AQUI... PARABÉNS ÁS DUAS MENINAS... BEIJINHOS,
FERNANDINHA

aa 15 de março de 2009 às 23:43  

Olá Helena!

Adorei mais esta lenga-lenga!!!
Quanto à foto, essa para não variar, é excelente...!
Boa semana!
Beijinhos,

AA

Nilson Barcelli 16 de março de 2009 às 18:01  

Helena, a excelência continua a morar na tua casa.
Nas fotos e nas palavras.
Parabéns às "parceiras"...
Boa semana, beijo.

Valentim Coelho 16 de março de 2009 às 19:37  

Olá,
gostei deste texto!
Mas que bonita ideia,
este poema dedicado a aranha feia,
que por sinal não é tão feia,
como diz a pesoa que teve esta ideia,
de escrever sobre a aranha feia!
A imagem é fenomenal.
beijinhos

lgb 17 de março de 2009 às 14:15  

Um magnífico close-up. Excelente!

Bjinho

Carla 17 de março de 2009 às 14:48  

a foto magnífica tem o teu cunho, mas as palavras são da Luísa cheias de rimas e de vida
beijos

xistosa - (josé torres) 18 de março de 2009 às 02:11  

E se a mosca ou abelha, esperneia,
que no local ninguém se pavoneia
e apesar do sol, o local não veraneia.
Fica ás ordens da canhoneia,
presa por qualquer maneia
e não adianta a meneia, pois encontra-se sob as ordens da capitaneia
e vai sentir a dispneia
que a aranha delineia.

Posso ser um poucochito maldoso?
A aranha é macho.
Não sabe tecer.
Fez um emaranhado pouco ortodoxo ou então andou a remendar o que lhe destruiram.

Fica o texto, que não se pode apreciar.
É todo belo e isso não tem discussão
E a foto.
Mas esta é "norma da casa", (só alta qualidade).

Posso dizer algo mais?
Não!!!
Belo conjunto ...

KrystalDiVerso 18 de março de 2009 às 09:23  

Impressionante a beleza destas aranhas!... Quanto mais perto, maior é a sua beleza, ainda que mais assustadora!... Há seres humanos assim, a tecer teias com sua beleza!

Obrigada pelas visitas e pelas suas palavras... mágicas;)

(Se for uma trabalhadora incansável, aproveite para passar no "Krystal" e ler "O Trabalhador". Já sabe que basta clicar duas vezes na imagem para ampliar.

Escolha entre... beijos e abraços

Multiolhares 18 de março de 2009 às 21:49  

A foto esta fabolosa
Bj

José Rasquinho 19 de março de 2009 às 11:50  

Foram vários dias sem computador, e já estava a perder algumas destas "histórinhas" sempre belas!
As tuas fotos estão cada vez melhores, e, com isto das histórias, estás a ficar especializada em macros!
Bjinho!

pin gente 19 de março de 2009 às 23:24  

não saibia que ia ser de rajada... eheheh
isto é que nós somos umas parceiras, amiga!
a foto desta teia elástica
é como tu, fabulástica!

então e o nunito não vem dar uma aula? a anterior estava soberba... bis, bis, bis

obrigada por tudo
gosto sempre muito de trabalhar contigo... o duo aracnídeo!
beijos sedosos

pin gente 19 de março de 2009 às 23:27  

esta aranha anda com as agulhas trocadas ou esqueceu-se do ponto que tecia... ou será que se engasgou e a seda lhe está a sair com catarro?
que tregalarenga!

Anónimo 20 de março de 2009 às 17:24  

Macro fantastica, e bonito texto, bjinhos

RT

▒▓█► JOTA ENE ® 21 de março de 2009 às 11:58  

Linda. Adorava dormir com muitas.

Bom f-d-s

joan 21 de março de 2009 às 20:39  

Solo puedo decir que es un macro impresionante, y una verdadera artista recomponiendo su tela.

Saludos,

mariam 22 de março de 2009 às 01:04  

Helena,

BELO!

já passam 1:04 do dia da POESIA!
mas 'ELA MORA AQUI. SEMPRE!
deixo um raminho de frésias frescas e o meu sorriso :)
mariam

Artista Maldito 22 de março de 2009 às 19:45  

Olá Helena

A fotografia está magnífica. Sabe que fico sempre deslumbrada a ver teias de aranha brilhando com as gotas de orvalho?

Gostei de ler a lenga-lenga, igualmente.
Adorei a foto, gosto de aranhas, sempre a tecer, incansáveis, solitárias.

Beijinho e um bom início de semana
Isabel

Céu Vieira 4 de abril de 2009 às 20:58  

LINDA FOTO AMIGA!!!
MAS DE ARANHAS, NÃO GOSTO, NÃO!
AAAAAAAAAAH, QUE HORROR!!!!!
BEIJINHOS
BFS

Céu Vieira 30 de julho de 2009 às 14:19  

Já tinha visto esta aranha "muito feia"...até nem é!...Mas não gosto de aranhas!... Mas esta é linda com estas cores todas, mas não a quero por perto de mim...nem para a fotografar!...rsrsrsrsrsrsrs, só se eu não lhe puder ser boa!!!!
A foto e o poema estão muito bonitos.
Parabéns
Beijocas

luismiguelines 18 de outubro de 2009 às 11:54  

Belíssima fotografia esta aranhazita não foi aquela que nós vimos no jardim de do Marquês em Oeiras?
Bom domingo e boas fotos.
Beijinho

Fotografias © Helena Paixão

Textos e poemas © Autores referidos em cada ‘post’

Fotografias, textos e poemas protegidos pelo Código dos Direitos de Autor

Postais de Paixão no Flickr

www.flickr.com
Esse é um módulo do Flickr que mostra fotos e vídeos públicos de Helena Paixão (busy, busy). Faça seu próprio módulo aqui.

Receba as actualizações deste blogue

Introduza o seu endereço de e-mail aqui:


Powered by FeedBlitz

Bichinhos carpinteiros

Bichinhos à espreita

  © Blogger template 'The Lake' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP